30 julho 2010

Humor: Se ela chegar lá...


O site “Unidos por São Paulo”, do ex-governador e candidato ao senado pelo PMDB, Orestes Quércia, que também promove as candidaturas de Geraldo Alckmin (governador) e Aloysio Nunes (senado), ambos pelos PSDB de José Serra, promete divulgar as agendas dos políticos,interatividade com eleitores e até estimular o relacionamento entre militantes.

O que o site não anuncia e, ao meu ver, parece ser a melhor (ou pior) atração da eleição na internet até agora, é um jingle intitulado “Se a Dilma Chegar Lá, F*%deu”. Isso mesmo. Com todas as letras.






F*%deu!
Se a Dilma chegar lá, meu irmão, f*deu! (2x)
Se a Dilma chegar lá, vai sobrar no meu
Vai voltar (sic) os mensaleiros e o PT do Zé Dirceu
(Repete)
Dilma descobriu o material na última sexta-feira e, desde então, está parada na frente do computador com essa cara…



É… parece que o PMDB é oposição. Ou não?

Observação: A assessoria de Orestes Quércia informou que o conteúdo acima, já retirado do ar, foi publicado por um usuário e não é de responsabilidade do candidato.

29 julho 2010

DR. Luiz Augusto comenta matéria do Tribuna da Bahia


Mais ação e menos pirotecnia
Paulo Roberto Sampaio - Tribuna da Bahia

O teatro armado por algumas autoridades de segurança da Bahia para documentar um bizarro flagrante de “tentativa de corrupção policial” na periferia da cidade é uma daquelas cenas dantescas, em que o réu, ou a ré, no caso em questão, vira vítima em fração de segundo. (Leia mais)




Isso me enoja, e me faz sentir o último dos homens, porque sei que fatos como esse aqui denunciado, ocorrem com frequência nas delegacias de polícia da vida. Nossa Justiça Criminal precisa se impor, e espero que um juiz sensato e um promotor mais sensato ainda, relaxem a prisão dessa pobre coitada, cujo erro foi ser analfabeta num país de bacharéis, e ter um filho envolvido com drogas, fruto provável da sua origem e da criação deficiente que a pobre coitada lhe deu, mas nada justifica um ato como o abaixo denunciado pelo jornalista Paulo Roberto Sampaio.

O caso é de relaxamento de prisão, porque ela é ilegal, já "flagrantes preparados" são condenados pelo Ordenamento Jurídico dos Estados Democráticos de Direito como o Brasil um dia talvez seja, e somente será quando tiver um segurança pública e uma Justiça à altura das necessidades do seu povo, com instituições formadas por homens e mulheres comprometidos unicamente com a ética e a consciência de que o dever está acima de seus interesses pessoais, especialmente os de ordem política. Pra mim esse é um caso específico de responsabilidade por "crime de constrangimento ilegal" e "abuso de autoridade", se confirmada a denúncia do jornalista, porque profissional que se presta a esse tipo de conduta, não merece sequer o cargo que ocupa, o distintivo e arma que a sociedade lhe entregou para sua defesa e proteção, porque tolo é quem pensa que tendo sido "aprovado" em concurso público, nada deve a ninguém, e assim pode fazer tudo que lhe der na telha.

Nossos cargos são públicos, e só servem e tem utilidade se estiverem à serviço exclusivo da sociedade, não de nossas vaidades.

Dr Luiz Augusto de Santana
Promotor de Justiça Militar do Estado da Bahia

28 julho 2010

Vem aí um novo programa gravado em Muritiba...


Voltaremos pra falar mais sobre esse assunto...

REVELADO: Eliza Samudio está viva!!!!

A amante desaparecida do goleiro Bruno está em Muritiba e pretende se candidatar a Prefeita da cidade em 2012!!!

Mais uma...




Inverdades constantes contidas na matéria, favor desconsiderar os fatos!

Edgar Abbehusen é entrevistado por Anderson Bella


Edgar Abbehusen é o primeiro entrevistado da série de reportagens sobre blogs da região pelo blogueiro Anderson Bella.

Na polêmica entrevista, Abbehusen fala sobre como tudo começou, revela que vem sofrendo ameaças, e diz que seu blog é imparcial. "Recebo bastantes elogios! Criticas também! Muita gente, principalmente as pessoas que tenho boa relação e que pertencem ao grupo político do ex-prefeito, condenam meu blog por achar que eu deveria publicar coisas contrarias a administração. Às vezes me chamam de “tendencioso” . Não me acho nem um pouco tendencioso! Escrevo e noticio aquilo que eu acho que tenho plena capacidade de comentar, a gente não escreve nada se não tiver inspirado."

A entrevista completa você confere em: www.midiareconcavo.com.br

27 julho 2010

POSTAGEM Nº 1.000



A pouco mais de 1 ano nascia o Blog Primogênio. Ousado e polêmico, o Primogênio ganhou destaque na esfera politica municipal e visibilidade na região do recôncavo. A marca do nosso blog é a criatividade. Não estamos aqui pra disputar acessos, nem procurando a estrela desfalcada que muitos almejam, queremos o novo com a originalidade que nos trouxe até os mais de 50.000 mil acessos desde Março de 2009.

Agora estamos aqui com a postagem número 1.000, uma marca histórica e muito importante para o Blog Primogênio, que passa por um momento de mudança, com a sua nova logomarca, com o seu novo posicionamente diante de questões sociais, com postagens interessantes e a escrita polêmica e criativa que alavancou o nosso nome e conquistou os nossos amigos e visitantes.

Recebemos ameaças, e continuamos...
Pediram nossas cabeças, e continuamos...
Reclamaram da gente, e continuamos...

Tivemos e temos pessoas que admiram o nosso trabalho. O nosso respeito em tratar de assuntos polêmicos priorizando a informação a fundo, por isso, até hoje, ninguém, nem vereador, nem sargento, nem policia e nem bandido, conseguiu nos tirar de foco.

E vamos aguardar as próximas 1.000 postagens e muitas outras que virão. Por que o Primogênio chegou pra ficar, doa a quem doer.

Forte abraço e meus sinceros agradecimentos a quem acreditou e continua acreditando no nosso sucesso,

Edgar Abbehusen
O Blogueiro

26 julho 2010

Mensagem da Semana

Dois homens, ambos gravemente doentes, estavam no mesmo quarto de hospital. Um deles podia sentar-se na sua cama durante uma hora, todas as tardes, para que os fluidos circulassem nos seus pulmões.

A sua cama estava junto da única janela do quarto.

O outro homem tinha de ficar sempre deitado de costas.

Os homens conversavam horas a fio. Falavam das suas mulheres, famílias, das suas casas, dos seus empregos, dos seus aeromodelos, onde tinham passado as férias...

E todas as tardes, quando o homem da cama perto da janela se sentava,passava o tempo a descrever ao seu companheiro de quarto todas as coisas que conseguia ver do lado de fora da janela.

O homem da cama do lado começou a viver à espera desses períodos de uma hora, em que o seu mundo era alargado e animado por toda a actividade e cor do mundo do lado de fora da janela.

A janela dava para um parque com um lindo lago. Patos e cisnes, chapinhavam na água enquanto as crianças brincavam com os seus barquinhos. Jovens namorados caminhavam de braços dados por
entre as flores de todas as cores do arco-íris. Árvores velhas e enormes acariciavam a paisagem e uma tênue vista da silhueta da cidade podia ser vislumbrada no horizonte.

Enquanto o homem da cama perto da janela descrevia isto tudo com extraordinário pormenor, o homem no outro lado do quarto fechava os seus olhos e imaginava as pitorescas cenas.

Um dia, o homem perto da janela descreveu um desfile que ia apassar:
Embora o outro homem não conseguisse ouvir a banda, conseguia vê-la e ouvi-la na sua mente, enquanto o outro senhor a retratava através de palavras bastante descritivas.

Dias e semanas passaram. Uma manhã,a enfermeira chegou ao quarto trazendo água para os seus banhos, e encontrou o corpo sem vida, o homem perto da janela, que tinha falecido calmamente enquanto dormia.

Ela ficou muito triste e chamou os funcionários do hospital para que levassem o corpo.

Logo que lhe pareceu apropriado, o outro homem perguntou se podia ser colocado na cama perto da janela. A enfermeira disse logo que sim e fez a troca.

Depois de se certificar de que o homem estava bem instalado, a enfermeira deixou o quarto.

Lentamente, e cheio de dores, o homem ergueu-se, apoiado no cotovelo, para contemplar o mundo lá fora. Fez um grande esforço e lentamente olhou para o lado de fora da janela que dava, afinal, para uma parede de tijolo!

O homem perguntou à enfermeira o que teria feito com que o seu falecido companheiro de quarto lhe tivesse descrito coisas tão maravilhosas do lado de fora da janela.

A enfermeira respondeu que o homem era cego e nem sequer conseguia ver a parede. Talvez quisesse apenas dar-lhe coragem...

Moral da História:

Há uma felicidade tremenda em fazer os outros felizes, apesar dos nossos próprios problemas.

A dor partilhada é metade da tristeza, mas a felicidade, quando partilhada, é dobrada.

Se te queres sentir rico, conta todas as coisas que tens que o dinheiro não pode comprar.

" O dia de hoje é uma dádiva, por isso é que o chamam de presente."

Claudia Raia e Edson Celulari anunciam separação


O casal de atores Claudia Raia e Edson Celulari divulgou comunicado anunciando sua separação. O texto:

“Foram quase duas décadas de uma união feliz, com os altos e baixos de qualquer relação entre marido e mulher, que termina agora deixando como fruto a amizade, o respeito e a admiração mútua, além de um casal de filhos lindos e amorosos que nos ligará para sempre através de um amor profundo. Ao longo de nossas carreiras sempre contamos com o carinho e respeito da imprensa na observação dos limites que separam a nossa vida pública da privada. Esperamos continuar a merecê-los neste momento especial de recolhimento."

Claudia e Celulari ficaram casados por 17 anos. Juntos, têm Enzo, 12 anos, e Sophia, 7. A atriz está em Ti-ti-ti, nova novela das sete da rede Globo. Em março último, ela deu uma entrevista à revista Contigo!, em que declarou: "Eu não consigo imaginar a minha vida sem o Edson. A gente tem tudo em comum. Eu gosto de estar casada. Ficar solteira não é um estado que me fascine".

24 julho 2010

CEST Pedra do Cavalo é apresentado em Gov. Mangabeira


O Projeto de revitalização do litoral do lago da Pedra do Cavalo foi apresentado no último dia 21 de julho, no plenário da Câmara de Vereadores de Governador Mangabeira, pelos seus autores Marco Antonio Cerqueira (Foto acima á esquerda) e Michel Artru (Foto acima á direita). O CEST (Circuito Ecológico Sociocultural e Turistico) Pedra do Cavalo busca proteger toda a area que segue o litoral do lago formado pela Barragem.

Estiveram presentes representantes do poder legislativo de Gov. Mangabeira, a Prefeita da cidade, Domingas da Paixão, e vários setores que respondem pela preservação do meio ambiente, como a APA, IMA e INGÁ.

"As comunidades litorâneas deverão se envolver cada vez mais com a preservação da riqueza e da qualidade deste bioma excepcional. O Circuito Litorâneo representa como um todo uma oportunidade para a criação de diversas atividades gerando empregos e renda, por que com o equilibrio respeitado, todos serão beneficiados", afirma Marco Cerqueira.

O projeto ainda está em fase de aprimoramentos, mais a boa noticia é que algo começa a ser feito para a preservação e a valorização de uma area esquecida pelo Estado, e não valorizada pelos poderes publicos das cidades que cercam o lago da Pedra do Cavalo.

Luiz Augusto fala sobre violencia no Estado

Por Luiz Augusto de Santana

O general Cardoso, quando Chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República no governo de FHC, numa entrevista a uma revista de circulação nacional, cunhou a seguinte frase, ao falar da violência no país: "a violência ainda nos fará monstros, porque o povo brasileiro não é tão pacífico assim como se fala nas canções e versos de poetas".

À época foi duramente criticado. Chamaram-no de radical, saudosista da ditadura, etc. Bem, a verdade é: era vidente o general, ou um conhecedor profundo da realidade brasileira, como são todos aqueles que vivem seu país de fato? Está aí o resultado. Todos, sem exceção, vivem hoje com algum receio de ser a próxima vítima dessa violência incontrolada que nos ronda. Diuturnamente estamos assistindo, passivamente, essa é que é a verdade, atos de violência que parecem estar nos anestesiando, porque insensíveis ao que acontece ao nosso redor.

Diariamente somos apanhados por notícias de mortes de cidadãos, seja em um assalto, seja por ato de quem deveria protegê-lo, seja por um prédio que cai em razão de irresponsabilidade de seu construtor, seja por encostas que deslizam porque o poder público prefere construir praças do que fazer contenções, mortes por atropelos e acidentes praticados por irresponsáveis ao volante, enfim, tudo está se tornando uma rotina perigosa, e nós, impassíveis, a tudo assistimos sem demonstrar nossa indignação e exigir ações sérias e concretas de que deveria tudo fazer para nos proteger, e o pior, apesar desse fracasso, podemos repetir o erro retornando irresponsáveis e despreparados para administrar nossos direitos.

Será que estamos perdendo o que nos diferencia dos demais seres vivos, que é o sentimento, a emoção e o raciocínio? Pois é, podemos estar virando os monstros que vaticiou o general, e assim, também estamos nos tornando reféns dessa letargia, isso enquanto a violência não nos atinge diretamente.

Por isso, lamentando a morte do jovem oficial da PM, e que foi meu aluno na APM, espero que as autoridades acordem e adotem medidas concretas para desarmar a bandidagem de fato, porque a esta altura, só podemos rezar pedindo proteção ao Divino, porque se depender da segurança pública do meu Estado, qualquer um pode somar nas estatísticas da violência, seja delegado, seja juiz, seja oficial da PM, seja qualquer um.

(O texto se refere a noticia publicada no site A TARDE On Line: Morre PM baleado na cabeça em tentativa de assalto)






Luiz Augusto de Santana
Promotor de Justiça Militar do Estado da Bahia

A briga pelo voto evangélico


Os candidatos à Presidência estão de olho no voto dos evangélicos. Não por acaso. Juntos, os evangélicos representam cerca de 25% do eleitorado brasileiro, que é de 135 milhões de pessoas. Ou seja, uma massa de 33 milhões de eleitores.

Na corrida por essa encorpada fatia do eleitorado, Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) estão na frente. Eles brigam ferozmente pelo apoio das gigantes Assembleia de Deus e Igreja Universal. Ironicamente, a candidata do PV, Marina Silva, única evangélica da disputa, é quem tem mais dificuldades para costurar apoios com uma das frentes religiosas.

O maior imbróglio está na Assembleia de Deus. A igreja é dividida em duas partes – a Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil (Ministério de Madureira) e a Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB). No total, a instituição conta com 16 milhões de seguidores, sendo que a corrente majoritária, a CGABD, liderada pelo pastor José Wellington Bezerra da Costa, conta com 10 milhões. Neste campo, é o tucano José Serra quem tem vantagem, já que é amigo do pastor e contou com seu apoio no segundo turno das eleições de 2002.

De acordo com o presidente do Conselho de Comunicação da CGADB, pastor Mesquita, a Assembleia de Deus “não apoia nenhum candidato oficialmente”. Ele afirma que a ala majoritária “demonstra apoio a José Serra e proximidade com ele”. “Há uma resistência da CGADB a Dilma Rousseff, que é muito progressista e liberal em assuntos como aborto e casamento gay. Não negamos direitos a niguém. Eles [os homossexuais] têm direito de fazer o que quiserem, mas não absorvemos essas ideias e somos totalmente contrários a elas”.

A outra ala da Assembleia de Deus, conhecida como Ministério Madureira, conta com 6 milhões de seguidores e está com Dilma. Neste sábado, o deputado federal Pastor Manoel Ferreira (PR-RJ), líder da convenção nacional, organizou um evento em Brasília com fieis de diversas igrejas evangélicas para apoiar a petista, como Assembleia de Deus, Sara Nossa Terra e Igreja Universal do Reino de Deus. Segundo o deputado-pastor, o apoio à ex-ministra foi negociado e eles teriam recebido a promessa de Dilma de que um eventual governo petista deixaria questões polêmicas como a legalização do aborto e a união civil entre homossexuais para serem discutidas apenas pelo Congresso.

A escolha de Marina – Enquanto isso, a candidata do PV à Presidência, Marina Silva, não encontra apoio oficial nem mesmo na igreja à qual pertence. A verde é da Assembleia de Deus desde 1997 e, segundo a CGADB, “a igreja deveria ter amadurecimento para anunciar um apoio oficial a Marina”. Segundo representantes da convenção, a igreja poderia exigir dela um governo norteado pelos “ensinamentos cristãos”. Mas não foi isso que aconteceu.

A assessoria de Marina Silva, por sua vez, afirma que a candidata defende um estado laico e não discrimina a fé. “Marina reconhece que os evangélicos são um público a quem ela deve atenção por fazer parte dele, mas não faz um direcionamento específico para nenhum grupo religioso”.

Universal e a confusão de Dilma – A ex-ministra ganhou – mais uma vez – uma herança do governo Lula: o apoio da Igreja Universal. Com 13 milhões de fieis, a instituição apoiou Lula em 2002 e 2006. Um dos elos de Dilma com a igreja é o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) que, de acordo com sua assessoria, tem uma amizade “antiga e pública” com o presidente Lula. Além disso, quando defende a ideia de que o aborto deve ser tratado como questão de saúde pública, e não rejeitado por princípio, a candidata petista não se choca frontalmente com os preceitos do líder da Universal, o pastor Edir Macedo, que se diz favorável à prática em diversas situações.

Essa não é, obviamente, a posição da Igreja Católica. Nesta semana, o bispo de Guarulhos (SP), dom Luiz Gonzaga Bergonzini, defendeu o boicote à candidatura de Dilma por considerar que o PT é a favor da interrupção da gravidez. Para tentar resolver esse impasse, Lula inteveio: nomeou seu chefe de gabinete, Gilberto Carvalho, um ex-seminarista, para aproximar a petista da Igreja Católica.

ALERTA: Aumenta número de mortes entre idosos causadas por quedas


O número de mortes causadas por quedas aumentou quatro vezes entre os idosos na última década, de acordo com balanço divulgado nesta sexta-feira pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo. Segundo o levantamento, o índice passou de 7,6 óbitos por 100.000 idosos em 2000 para 28,4 por 100.000 em 2008.

No total, 1.240 pessoas com mais de 60 anos morreram devido a quedas em 2008, número quase cinco vezes maior que o registrado em 2000. Para Marília Louvison, coordenadora da área de Saúde do Idoso, houve um aprimoramento dos sistemas de notificação e controle sobre idosos que foram vítimas de quedas. Ela ressaltou que qualquer pessoa pode sofrer com quedas, porém, os mais velhos têm mais propensão a esse tipo de acidente.

A condição física e motora do idoso está entre as principais causas de quedas. É comum que os mais velhos tenham tontura, fraqueza muscular e dificuldade de enxergar. Além disso, móveis, tapetes e falta de iluminação podem se tornar grandes obstáculos e causadores de acidentes domésticos. A atenção deve ser redobrada também nos ambientes externos, com árvores, escadas e calçadas com desnível.

Segundo as recomendações da Secretaria de Saúde, para evitar acidentes é importante tomar remédios só com prescrição médica, evitar chocolate, café e chá mate e refrigerantes em excesso, que podem levar a tontura, utilizar o corrimão nas escadas, e calçados de salto baixo, que fiquem fixos aos pés.

EXCLUSIVO: Valmir Simões retira apoio a Antonio Brito



Vereador Valmir Simões (PSDB)

Por Edgar Abbehusen


O PSDB de Muritiba, que é presidido pelo Professor Adernoel, anunciou o seu apoio ao candidato a Deputado Federal Jutahy Magalhães. O anuncio foi feito pelo Vereador Valmir Simões, noticia contraria ao que era anunciado até pouco tempo pelo Vereador Zé Carlos Brandão, aparente lider do G6 (Grupo dos seis vereadores que buscam mudança politica na cidade).


Em matéria no seu blog pessoal "Muritiba News", no último dia 7 de julho de 2010, o vereador Zé Carlos destacou o apoio dos 6 vereadores no lançamento da candidatura de Antonio Brito, veja o que ele escreveu:
"Antonio Brito é apoiado, em Muritiba, pelos vereadores José Carlos Brandão, Pastor Marco, Valmir Simões, Ule da Ambulância, Luciano de Miranda e Robson Nascimento." (Clique para ler a
Matéria Completa)




Ontem (24/07/2010), aparentemente satisfeito com a decisão, Valmir Simões disse ao Blogueiro Edgar Abbehusen que estava com Sérgio Passos para Deputado Estadual, Jutahy Magalhães para Deputado Federal, Paulo Souto para Governador e José Serra para Presidente do Brasil.

Eleito com mais de 800 votos para vereador de Muritiba, uma das votações mais expressivas dos últimos 10 anos, Valmir Simões é um dos vereadores que pleitam a pré-candidatura a prefeito de Muritiba em 2012. O Edil faz parte da bancada da atual gestão da cidade, mas há indicios de uma relação estremecida entre ele e o Prefeito Babão.

"Eu fui um dos primeiros vereadores a falar de mudança aqui na cidade, já no ano passado trouxe meu deputado Sérgio Passos para o aniversário da cidade" afirmou ele.

Não sabemos ainda qual a reação do G6 (ou seria G5?), mas tudo indica que o barco da mudança continua a navegar, daquele jeito...

Vamos deixar que os bons ventos de outubro nos tragam respostas...




(Por favor: Se algum vereador, policial, sargento, juiz ou representante da sociedade civil quiser questionar, opinar, ou discordar com a matéria, entre em contato pelo: faleprimogenio@gmail.com; é tão simples, basta digitar o endereço de e-mail e usar o teclado para escrever o que bem entender, não precisa usar a guilhotina não!)

23 julho 2010

TIME DA VIRADA

Adriano investigado por suposto envolvimento com traficantes, Vágner Love flagrado com escolta armada em favela, Bruno preso por suspeita de assassinato

O Flamengo faz de tudo para ser alvo de críticas e chacotas dos adversários, mas aí vem oVasco e apronta uma dessas…


Lady Gaga?!? Aí não dá, né?

Eleita como melhor Banda de Pagode 2010, Psirico vem a Muritiba no próximo dia 8

“Obrigado Salvador! Esse prêmio é de vocês, que fazem da família Psirico, a melhor banda de pagode do Carnaval”, agradeceu Márcio Victor, de cima do trio do bloco Pinel, puxado pela banda no último dia da festa, no circuito Campo Grande-Avenida.

O grupo baiano foi escolhido por votação do público e de um júri técnico, selecionado pela organização do Troféu Band Folia 2010. Com uma batida forte, marcada pela percussão inconfundível, a banda Psirico se destaca entre os grupos de pagode por sugerir um estilo novo do ritmo e vem ganhando cada vez mais espaço no cenário musical brasileiro.


Abaixo uma entrevista com o vocalista Márcio Vitor, que vai estar em Muritiba no dia 8 de agosto, data em que a cidade vai comemorar seus 91 anos de emancipação politica.

Psirico vem através do empresário Wanderley Pinheiro, popularmente chamado de "Papel", famoso Promoter de Eventos que vem trazendo grandes nomes pra região do reconcavo. O Bloco Jaca Eletrica sai ás 17 horas da Vila Residencial, e a o valor da camisa custa R$ 30 reais.


Como o Psirico surgiu?
Psirico -
Eu sempre estive em contato com a música desde criança e desde cedo me tornei percussionista. Trabalhei com Caetano Veloso, Ivete Sangalo, Marisa Monte... Daí, tive grandes oportunidades e resolvi, com apoio de todos, montar um grupo com uma batida percussiva diferente do que já existia e com a mistura do pagode baiano.

Qual é a sua importância para a banda, já que você é o fundador?
P -
Eu acho que é no direcionamento do grupo. Como entendo do que acontece em toda banda, sei orientar e manter a banda redonda, do jeito que sonhei e que o público gosta.

Como funciona a convivência de 15 músicos sempre viajando juntos?
P -
Somos uma verdadeira família. São mais de 10 anos juntos, muitos desde o começo. E os que entram ao longo do tempo, são sempre bem recebidos. Ter um ambiente agradável é fundamental para fazer um show bacana, cheio de energia!

Cara, 12 anos na estrada! Antes do sucesso, vocês alguma vez pensaram em desistir, deixar pra lá?
P -
Nunca pensei em desistir, só penso em agradecer e continuar levando alegria ao público. Cada um sabe aonde quer chegar, quais são seus sonhos. O meu sempre foi viajar o mundo levando meu som, minha música, minhas mensagens de alegria. Se pudesse dar um conselho diria: Não desista nunca! Se for preciso recuar, recue, mas lembre-se de andar o dobro depois!

O Troféu Dodô e Osmar, como banda revelação do Carnaval de 2004, foi fundamental para o crescimento da banda?
P -
Sem dúvida. O reconhecimento, na verdade, é que foi fundamental. A banda pode ser ótima, mas sem reconhecimento, não é possível ganhar expressão e crescer. O público precisa conhecer a banda, e as premiações ajudam porque trata-se de uma escolha popular. E quem ainda não conhece, passa a conhecer. Mas ao longo dos anos, muitos nos ajudaram, cada um do seu jeito, com seu carinho. Hoje, somos o que somos graças a nossos fãs, à imprensa, aos contratantes, à produção e aos músicos.

Qual música tem mais resposta do público quando vocês tocam? “Escovadinha”? “Pianinho”?
P -
Hoje eu posso dizer que tenho um repertório de músicas que agita a galera! Essas foram as primeiras canções que fizeram sucesso. Hoje, já temos muitas outras, como “Sabonete”, “Paz”, “Cole na Corda”, “Mexe o Balaio” e “Pode Pular”.

E a autoria das canções? Todos se envolvem e sugerem ou o processo é mais concentrado?
P -
Eu componho muito, meus músicos também, mas recebemos composições de todo mundo. Lá na produtora, recebo vários CDs por dia de compositores ainda desconhecidos, que esperam uma oportunidade. Ouço tudo e quando tem a cara do Psi, eu gravo! Mas as criações são diversas, vem de todos os lados.

Como foi o tempo de residência no Rock in Rio Café Salvador, a tocar ao lado de artistas como Caetano, Ivete, Davi Morais, entre outros?
P -
Foi importantíssimo! Aliás, para a minha história e a do Psi, tem uma importância extrema... Todos estes processos que vivemos foram fundamentais para chegarmos onde estamos hoje. Então, o período de ensaios no Rock in Rio, em que trabalhei como percussionista com grandes artistas, foi uma verdadeira escola! Hoje, o ensaio cresceu muito, nem daria para continuar no Rock in Rio. Estamos agora com uma superestrutura, uma casa para mais de cinco mil pessoas e com parceiros importantes que associaram suas marcas ao nosso grupo.

A galera ta louca pra saber o que vocês estão armando para o show em Muritiba...
P -
Muita energia, muitas surpresas e um show inesquecível. Sempre que posso, tenho acessado o Twitter para contar as novidades aos meus fãs, mas nem sempre consigo! Quero a galera toda me seguindo no Twitter!

Além de Salvador, que outras cidades vocês guardam com carinho na memória?
P -
Nossa.... citar apenas algumas seria injusto. Graças a Deus, o Psi é uma banda muito querida por todo o País. Em Aracaju, por exemplo, esgotamos os ingressos do bloco Furacão, que desfilou durante o Pré-Caju. Em Belo Horizonte (MG), fomos considerados o melhor do Axé Brasil, em nossa apresentação de estreia. O pessoal de São Paulo (SP) vive perguntando quando voltaremos lá. Enfim, guardo com carinho inúmeros momentos dos nossos 12 anos de história!


Eleições chegando, de que lado a Globo ficará?

Não é novidade que a família Marinho já usou e abusou a emissora de TV para seu jogo de interesses, a história denuncia: acordos suspeitos, dinheiro ilegal do exterior, perseguições políticas e até tentativa de fraude em eleições. Nem o atual governo federal escapou das garras da Globo, quem não se lembra? As vésperas das eleições presidenciais de 2006, homens do PT foram pegos com muito dinheiro, segundo eles, o capital seria usado pra um suposto dossiê, o delegado responsável do caso cedeu imagens que estavam sob sigilo de justiça a Rede Globo.

O interesse era claro, a Globo queria impedir a re-eleição do presidente Lula, um golpe contra a democracia.

Na época, o delegado foi afastado do caso e alegou que soltou as imagens na imprensa para proteção.

Mas as rasteiras da Globo em Lula não são novas, em 89 o metalúrgico do ABC foi claramente prejudicado por uma edição tendenciosa do debate eleitoral com o empresário de Alagoas, Fernando Collor de Melo. Democracia nunca foi o forte da Globo, o poder da família Marinho teve origem com a ditadura militar, a organização que já tinha jornal e radio apoiou os ditadores em troca de sinal verde para a ilegalidade. A história não apaga, a Globo nasceu de uma ação ilícita de um governo ditatorial.

“Quem se propõe a um esforço para fraudar uma eleição, naturalmente é capaz de tudo”, foi o que disse Paulo Ramos sobre o escândalo pró-consulte.

Mas obviamente é inegável que a Globo ajudou a construir parte de nossa cultura, parte de nosso povo. É simplesmente a quarta maior emissora do mundo em credibilidade e estrutura. É o veículo de televisão mais respeitado do planeta quando o assunto é dramaturgia. Vale algo em torno de 15 bilhões. Tem os profissionais mais respeitados de todo o país, em todas as áreas da comunicação. Alem de possuir uma área invejável de 3,99 milhões de metros quadrados para produção de novelas.

Em 2008 Globo e Record travaram uma briga feia por audiência e respeito. “A Fazenda” balançou os bastidores da disputa, a Globo exibiu uma matéria contra Edir Macedo, uma reportagem de 10 minutos abrindo o Jornal Nacional, tempo raríssimo em telejornais. Logo no dia dos ataques a Record ficou mais de 7 horas na liderança absoluta. Ainda assim exibiu uma reportagem atacando a Rede Globo no dia posterior. Mas o que se vê hoje é um cenário bastante dessemelhante, as emissoras se resguardam mais, uma aguardando erros da outra, sem exposição de uma possível rivalidade por números.

Mas afinal, quem é a Globo? Uma emissora que deteve o monopólio da informação durante décadas, talvez não por uma totalidade de ações ilícitas e sim por seu padrão de jornalismo muito sério e reconhecido em todo o exterior, padrão esse que só se ver na Globo, jornalismo encarado com seriedade.

Mas aí a Globo chega e se mostra isenta de opinião sobre essas eleições presidências, essa é a dúvida mortal. Cada ação da Globo, cada pergunta no debate, cada notícia sobre cada um dos presidenciáveis tem que serem vista com olhos mais apurados.

Se o passado já foi apagado pelo presente, só o futuro dirá.

Os 10 discos mais vendidos no Brasil até hoje

Só damos uma pista: nessa lista, a Xuxa brilha muito. Surpreenda-se e depois confesse: você tinha pelo menos um desses discos em casa, não tinha?

10º. Terra Samba ao vivo e a cores (Terra Samba, 1998) – 2.450.411

A banda de samba/pagode/axé se formou em 1991, mas foi em 1997/98 que estourou. Esse disco traz a versão ao vivo para a música “Liberar Geral”, que diz (umas 30 vezes): “Nada mal/ Curtir o Terra Samba não é nada mal/ Que legal/ É só entrar no clima e liberaaaar geral”.

9º. Mamonas Assassinas (1995) – 2.468.830

Foi o álbum de estreia e o único de estúdio da banda, que morreu em um acidente de avião em março do ano seguinte (1996). Em 1998 e 2006 foram lançados discos com versões ao vivo das músicas do primeiro.

8º. Xou da Xuxa (Xuxa, 1986) – 2.689.000

Foi o terceiro álbum de estúdio da Rainha dos Baixinhos, lançado junto com o programa de mesmo nome. Ela aparece na capa com uma blusa rosa transparente, o que causou certa polêmica na época. A clássica “Parabéns da Xuxa” (aquela do “Hoje vai ter uma feeesta…”), que sempre rolava em festas infantis, está lá.

7º. Um sonhador (Leandro e Leonardo, 1998) – 2.732.735

Lançado no ano em que Leandro morreu, o disco traz algumas das músicas mais famosas da dupla.

6º. Xegundo Xou da Xuxa (Xuxa, 1987) – 2.754.000

Depois de “bolo, guaraná e muito doce pra você”, Xuxa lançou o Xegundo Xou da Xuxa. Esse disco tem a música “Festa do Estica e Puxa” e “O Circo”, famosa nas festinhas com palhaços irritantes (quem não lembra de “Vem a foca com a bola no nariz, o elefante bancando o chafariz. Vem a macacada toda de uma vez”?).

5º. Xou da Xuxa 4 (Xuxa, 1989) – 2.920.000

Está ali “Tindolelê”, um clássico da infância cheio de onomatopeias misteriosas: “Eu quero ver/ Tindolelê/ Nheco nheco/ Xique xique/ Balancê”.

4º. Só Pra Contrariar (1997) – 2.984.384

Quarto álbum de estúdio do grupo de samba/pagode de Uberlândia. Tem a música “Mineirinho”, que quase todo mundo dançava nos churrascos da vida. Com o sucesso, eles foram convidados a gravar um álbum em espanhol, que vendeu 700 mil cópias nos países latinos.

3º. Leandro e Leonardo (1990) – 3.145.814

“Pensa em mim/ Chore por mim/ Liga pra mim/ Não, não liga pra eeeeele….”. E comemore com eles. O clássico “Pensa em mim” ajudou o quarto álbum de estúdio da dupla a ocupar a terceira posição entre os mais vendidos.

2º. Xou da Xuxa 3 (Xuxa, 1988) – 3.216.000

O disco da Xuxa mais bem posicionado no ranking do top 10 dos mais vendidos. “Ilariê” e “Brincar de Índio” ajudaram o Xou da Xuxa 3 a desbancar os outros três álbuns do TOP 10. O hit “Ilariê” ficou em 1º lugar por 12 semanas nas paradas brasileiras.

1º. Músicas para louvar o Senhor (Padre Marcelo Rossi, 1998) – 3.228.468

E o disco mais vendido…. é divino. Com esse álbum, o primeiro da carreira de Marcelo Rossi, o padre do movimento Renovação Carismática Católica passou a frequentar religiosamente os programas de auditório para cantar seus sucessos e mostrar coreografias. Ele já gravou outros 8 álbuns em estúdio desde então.

UPDATE: Os números se referem às vendas dos discos na época em que foram lançados e não incluem dados de relançamentos.

Valdemir Santana

Da Coluna de Valdemir Santana


Irreverência e mudança na boate de luxo

Paulo Sérgio Araújo é quem assina a “Noite do cachorro doido”, amanhã, na “Just1”, da Marina da Contorno, o espaço noturno mais descolado de Salvador. Como PSA é a maior grife em entretenimento de alto nível das redondezas, é fácil imaginar que a balada, com revival de música dos anos 1980 e 1990, tem tudo para deixar a noite do final de semana com jeito bem cosmopolita.
Não custa lembrar que foi Paulo Sérgio quem criou o conceito de beach dancing no Brasil, com a “Padang Padang”, um luxuoso lounge , decorado com cobertura de lona tencionada e gigantescos sofás e puffs super confortáveis que transformou a Praia do Flamengo em point de jovens milionários.
Depois da Padang veio o “Bar Steel”, do Rio Vermelho, inaugurado com o príncipe Joãozinho de Orleãs e Bragança como convidado especial, o restaurante Mahi Mahi, com teleférico, no Corredor da Vitória, e claro, as festas na própria casa de Maria Alice e Lauro Araújo, pais do empresário. Foi a famosa “Mansão da Fonte do Boi”, demolida há três anos para construir dois hotéis.

Corre corre no Yatch
Mesmo antecipando a data de lançamento do “Réveillon 2011” do Yacht Clube da Bahia, para anteontem, Kátia Silveira Kurschewsky, e o marido dela, Marcelo Farias Kruschewsky, o comodoro do clube, já sabiam que ia ser um corre corre na alta sociedade, para fazer as reservas. E realmente aconteceu. O que os desavisados não sabiam é que fazer reserva não é só uma questão de escolher um dos ambientes mais exclusivos da cidade para brindar a chegada do Ano Novo. Ou seja, garantir o acesso sem ser sócio do Yatch, nem pensar. Apenas os associados podem garantir uma vaga na festa que vai ser animada pelos artistas Tatau, ex-vocalista da banda Araketu, e Jauperi Lázaro dos Santos, o cantor Jaú. Assim, para dar um jeitinho, o sócio tem de procurar o clube e ele mesmo fazer o pagamento da reserva para algum amigo. Se vai ser reembolsado pelo que pagou é problema dele e do amigo convidado.

Café presidencial na cama
Aquela circuladazinha, com jeito de quem não quer nada, pelos requintados e super-vigiados corredores do “Hotel Pousada Convento do Carmo”, não vai adiantar nada. É raríssima a possibilidade de um encontro casual com o presidente Luiz Ignácio Lula da Silva, hoje de manhã. Ele dorme na suíte máster, a melhor e mais cara do hotel, e vai tomar café da manhã na cama. Com direito a todas as mordomias permitidas pela taxa de R$2 mil para o pernoite com breakfast.

Despedida na Just 1
Por falar na Just1, todo mundo sabe que a casa fecha em dezembro para a construção de um prédio de luxo no local. A novidade é que o sócio da casa, Leco Levita, já planeja o que vai fazer para a festa de encerramento do endereço. “A gente está pensando em fazer um grande réveillon, bem legal”, conta Levita. Com ou sem réveillon, o que Levita quer mesmo é definir onde a Just1 vai continuar. No momento ele já listou três opções de endereço. “Claro que estamos escolhendo a dedo um local bem especial, como é o atual. Mas eu vou manter em segredo por enquanto porque isto pode gerar muitas especulações e prejudicar o projeto”, avisou.

Canto de devoção no Gantois
O carinho de Gal Costa pelo “Terreiro do Gantois” não tem limite. No auge do sucesso do movimento Tropicália ela gravou “Oração a Mãe Meninha”, e fez a vanguarda brasileira reverenciar com ternura a mais famosa Ialorixá da secular religião afro-brasileira. Não ficou só nisto. Nos momentos mais marcantes do templo religioso Gal Costa estava presente, com trajes rituais como devota, em vez de ser uma celebridade a mais. Agora a artista que é apontada como a cantora com a maior afinação de voz do país, surpreende em seu carinho pelo Gantois. No início da semana ela gravou, em língua ioruba, a canção de boas vindas ao terreiro. Uma surpresa para o lançamento da “Seleta de Acervo do Memorial Mãe Menininha do Gantois”, marcado para ontem à noite, tendo como anfitriã, Mãe Carmen - atual Ialorixá do Gantois, filha de Mãe Menininha e idealizadora do projeto.

Troca de milionários
Quem está botando a fila para andar no Rio de Janeiro é Carol Sampaio, a filha da badaladíssima restauratrice Marly Sampaio e que se tornou famosa quando decidiu organizar festas para gente rica e descolada. Carol terminou o namoro com o milionário baiano Thiago Simões, herdeiro do Jornal A Tarde, e segundo as colunas do Rio de Janeiro, namora agora com o empresário João Daniel, ricaço colecionador de cavalos de raça. Carol Sampaio começou a trabalhar como promotter, mais por hobby do que por necessidade. Logo no início cobrava R$ 3 mil reais para organizar a lista de gente famosa, que na época incluía atrizes como Tais Araújo e Mariana Ximenes e jogadores de futebol. Ficou tão festejada que até a cantora Ivete Sangalo já saiu de Salvador para participar de festa de aniversário da moça no Rio.

Inverno quente o Pelô
Nagib Dahia, o poderoso empresário da noite baiana, sócio de algumas das casas noturnas mais fervidas da cidade, chegou ao “Ensaio de inverno do Olodum” e foi um corre-corre no centro Histórico, anteontem. Ele levou a amiga Priscila Pires, ex- participante de um reality show na TV Globo, e o que se formou um alvoroço para pedir autógrafo. Ninguém sabia se era namoro ou amizade entre os dois, mas o importante para Jorginho Rodrigues, presidente do bloco afro foi providenciar rápido segurança especial que as celebridades têm direito.

Publicada: 23/07/2010 no Tribuna da Bahia On line