27 outubro 2010

Estou certo de estar fazendo a minha parte...

Pode ser que daqui há dois anos, muitos de vocês, leitores do Primogênio, voltem as nossas páginas afim de me dizer que Dilma não era nada daquilo que eu pensava.

Podem alegar que a ameaça que ela representava para mim, e para outros milhares de dezenas de brasileiros, tenha sido baseada nos e-mails difamatórios e na imprensa partidária.

Pode ser.

Mas se não for, fico certo que fiz a minha parte, e farei questão, também nesse blog Primogênio, de usar o nome de todos os blogs da Região, que visando oportunidades financeiras (alguns, por favor) apoiam discaradamente a candidata do PT.

Que venham os de ideologia, os militantes cegos, tudo bem... Esses ainda vai. Mais os oportunistas, os sanguessugas do poder, que se enconstam e colam em quem vai bem, esses não. Esses poderão estar entregando a democracia, a etica e a moral desse país na lama, afundando de vez.

Aí, quando a bomba estourar (se por um acaso for do jeito que penso e que acredito), vou voltar aqui e dizer que todos foram responsaveis pelo que vier a acontecer. Assim como Erenice, que em 2 meses criou um esquema de bilhões de reais... Parem pra pensar! Erenice assumiu á 2 meses a Casa Civil, você acha que um esquema de BILHÕES seria implantado em apenas DOIS MESES?!

Pensem, galera! Pensem, juventude! Não vamos deixar a popularidade do Lula, o Bolsa Familia, cegar a nossa postura de cidadão. Não vamos entregar esse país de vez...

Enfim, segue abaixo, um editoral do jornal "O Estado de São Paulo", que declarou apoio a José Serra.

Prestem a atenção em cada palavra desse editorial. Cada detalhe. Reflitam.

E façam o que achar melhor para esse país!

Edgar Abbehusen

EDITORIAL DO JORNAL "O ESTADO DE SÃO PAULO"

Jornal O Estado de S. Paulo toma decisão surpreendente e dá apoio oficial a José Serra

O jornal paulista O Estado de S. Paulo tomou uma decisão inédita na imprensa brasileira e declarou apoio formal à candidatura à Presidência da República de José Serra (PSDB). O jornal fez isso por meio da publicação de um editorial, que diz o seguinte:

"O MAL A EVITAR"

"A acusação do presidente da República de que a Imprensa "se comporta como um partido político" é obviamente extensiva a este jornal.

Lula, que tem o mau hábito de perder a compostura quando é contrariado, tem também todo o direito de não estar gostando da cobertura que o Estado, como quase todos os órgãos de imprensa, tem dado à escandalosa deterioração moral do governo que preside.

E muito menos lhe serão agradáveis as opiniões sobre esse assunto diariamente manifestadas nesta página editorial.

Mas ele está enganado. Há uma enorme diferença entre "se comportar como um partido político" e tomar partido numa disputa eleitoral em que estão em jogo valores essenciais ao aprimoramento se não à própria sobrevivência da democracia neste país.

Com todo o peso da responsabilidade à qual nunca se subtraiu em 135 anos de lutas, o Estado apoia a candidatura de José Serra à Presidência da República, e não apenas pelos méritos do candidato, por seu currículo exemplar de homem público e pelo que ele pode representar para a recondução do País ao desenvolvimento econômico e social pautado por valores éticos.

O apoio deve-se também à convicção de que o candidato Serra é o que tem melhor possibilidade de evitar um grande mal para o País.

Efetivamente, não bastasse o embuste do "nunca antes", agora o dono do PT passou a investir pesado na empulhação de que a Imprensa denuncia a corrupção que degrada seu governo por motivos partidários.

O presidente Lula tem, como se vê, outro mau hábito: julgar os outros por si.

Quem age em função de interesse partidário é quem se transformou de presidente de todos os brasileiros em chefe de uma facção que tanto mais sectária se torna quanto mais se apaixona pelo poder.

É quem é o responsável pela invenção de uma candidata para representá-lo no pleito presidencial e, se eleita, segurar o lugar do chefão e garantir o bem-estar da companheirada.

É sobre essa perspectiva tão grave e ameaçadora que os eleitores precisam refletir.

O que estará em jogo, na eleição, não é apenas a continuidade de um projeto de crescimento econômico com a distribuição de dividendos sociais.

Isso todos os candidatos prometem e têm condições de fazer.

O que o eleitor decidirá de mais importante é se deixará a máquina do Estado nas mãos de quem trata o governo e o seu partido como se fossem uma coisa só, submetendo o interesse coletivo aos interesses de sua facção.

Não precisava ser assim. Luiz Inácio Lula da Silva está chegando ao final de seus dois mandatos com níveis de popularidade sem precedentes, alavancados por realizações das quais ele e todos os brasileiros podem se orgulhar, tanto no prosseguimento e aceleração da ingente tarefa - iniciada nos governos de Itamar Franco e Fernando Henrique - de promover o desenvolvimento econômico quanto na ampliação dos programas que têm permitido a incorporação de milhões de brasileiros a condições materiais de vida minimamente compatíveis com as exigências da dignidade humana.

Sob esses aspectos o Brasil evoluiu e é hoje, sem sombra de dúvida, um país melhor.

Mas essa é uma obra incompleta. Pior, uma construção que se desenvolveu paralelamente a tentativas quase sempre bem-sucedidas de desconstrução de um edifício institucional democrático historicamente frágil no Brasil, mas indispensável para a consolidação, em qualquer parte, de qualquer processo de desenvolvimento de que o homem seja sujeito e não mero objeto.

Se a política é a arte de aliar meios a fins, Lula e seu entorno primam pela escolha dos piores meios para atingir seu fim precípuo: manter-se no poder.

Para isso vale tudo: alianças espúrias, corrupção dos agentes políticos, tráfico de influência, mistificação e, inclusive, o solapamento das instituições sobre as quais repousa a democracia - a começar pelo Congresso.

E o que dizer da postura nada edificante de um chefe de Estado que despreza a liturgia que sua investidura exige e se entrega descontroladamente ao desmando e à autoglorificação? Este é o "cara".

Esta é a mentalidade que hipnotiza os brasileiros.

Este é o grande mau exemplo que permite a qualquer um se perguntar: "Se ele pode ignorar as instituições e atropelar as leis, por que não eu?"

"ESTE É O MAL A EVITAR "



26 outubro 2010

Antes era assim que funcionava...


Ler faz bem!

A Fundação Itaú Social está doando oito milhões de livros infantis, gratuitamente.

Para recebê-los, é só cadastrar-se no site:

www.itau.com.br/lerfazcrescer


Eles remetem o livro para sua residência, sem nenhum custo.

Aproveitem esta oportunidade de estimular o hábito da leitura para nossas crianças.

EDITAL PROCULTURA DE APOIO À BANDA DE MÚSICA

Inscrições no período de 25 de outubro à 10 de dezembro de 2010.

Esse edital tem como objetivo premiar conjuntos musicais denominados “Banda de Música”, “Banda Sinfônica”, “Banda de Concerto”, “Banda Musical”, “Banda Filarmônica” ou “Sociedade Musical”, em âmbito nacional, com a finalidade de reconhecer e propiciar a melhoria da qualidade técnica e artística desses conjuntos musicais, visando a sua sustentabilidade, propiciando a aquisição de instrumentos de sopro e de percussão



EDITAL PROCULTURA DE ESTÍMULO ÀS ARTES VISUAIS 2010
Inscrições no período de 25 de outubro à 10 de dezembro de 2010.

O edital visa a premiação de iniciativas na área de artes visuais, em 4 (quatro) categorias, em todo o território nacional, conforme segue:

Categoria A: BIBLIOTECAS BÁSICAS DE ARTES VISUAIS

Premiação para a instalação ou a ampliação de bibliotecas com acervo composto por títulos referentes à formação para as artes visuais.

Categoria B: PERIÓDICOS E REVISTAS SOBRE ARTES VISUAIS

Premiação de iniciativas de publicação de periódicos e revistas sobre artes visuais, ou sua manutenção, nas versões impressa e/ou digital.

B.1 Módulo mídia digital.

B.2 Módulo mídia impressa ou impressa e digital.

Categoria C: PESQUISA DE ACERVOS ARTÍSTICOS (OBRAS DE REFERÊNCIA)

Premiação de iniciativas de pesquisa, mapeamento e documentação, para a elaboração de publicação impressa e em mídia digital, com a finalidade de resgatar acervos, arquivos e legados, em geral, e de difundir a memória da obra de artistas brasileiros falecidos.

Categoria D: PRÊMIO DE ARTES PLÁSTICAS MARCANTONIO VILAÇA

Premiação de iniciativas destinadas à aquisição de obras representativas das artes visuais brasileiras, por parte de instituições museológicas nacionais ou de artistas, para a disponibilização em exibição pública, em reconhecimento à atuação destas instituições em suas áreas de influência e/ou à qualidade do trabalho desses artistas, no campo das artes visuais.

O resultado esperado com esta ação pública é o reconhecimento e o estímulo às iniciativas que contribuem, de forma exemplar, para a promoção da organização sistêmica do campo das artes visuais e a valorização das linguagens artísticas visuais nacionais, por meio de sua pesquisa, informação, formação, produção e circulação.



PRÊMIO PROCULTURA DE ESTÍMULO AO CIRCO, DANÇA E TEATRO 2010
Inscrições no período de 25 de outubro à 10 de dezembro de 2010.

Esse edital premiará 197 (cento e noventa e sete) iniciativas de Circo, Dança e Teatro, por meio da destinação de recursos que viabilizem atividades das três áreas citadas, em âmbito nacional. O prêmio contemplará três categorias, a saber:

Categoria A – Produção Artística – Estímulo a iniciativas de produção artística nas áreas de circo dança e teatro, que venham promovendo a diversidade temática e estética, bem como ações de formação de platéia.

Categoria B – Programação de Espaços Cênicos – Estimular instituições que administram espaços cênicos, em atividade ou que necessitem de revitalização, ou de espaço públicos abertos que se caracterizam como sedes públicas, no intuito de estimular e reconhecer atividades focadas na programação artística.

Categoria C – Substituição de Lona Circense e/ou Acessórios – Estímulo a ações culturais circenses que, embora sem condições estruturais ideais, estejam mantendo suas atividades. O prêmio é destinado a circos de lona, itinerantes ou fixos, escolas de circo ou projetos que utilizem linguagem circense como instrumento pedagógico para transformação social e construção da cidadania.

25 outubro 2010

Zé Dirceu e a CONFIANÇA

Vejam o que o Homem de Lula (Zé Dirceu) diz sobre Confiança...


Afinal, de quem é o PT?


Penetra, um simples apoio ou um já filiado ao Partido dos Trabalhadores de Muritiba? O que Roque Isquem quer dizer com "A familia agora é 13"?


A estrela vermelha com as siglas do Partido Politico de maior destaque nessas eleições em todo o país, está com o seu brilho confuso desde do primeiro turno aqui em Muritiba. Tudo começou, quando adesivos apareceram nos carros e nas portas das casas da cidade com os dizeres "A familia agora é 13".

As pessoas que colavam esse adesivo, eram pessoas extremamente ligadas ao Grupo do Ex-Prefeito Roque Isquem. Pessoas essas que durante o pleito á Prefeitura Municipal gritavam que faziam parte da dita "Familia 15".

A troca estava começando mexer nos bastidores dos principais representantes politicos da cidade. Roque Isquem, que pertence ao PMDB, e recebeu apoio do Governador Jaques Wagner nas eleições de 2008, mesmo com candidato a prefeito do PT na cidade, começou a campanha aberta apoiando a chapa do PT em Muritiba.

Apresentou dois deputados ligados diretamente ao Partido dos Trabalhadores, um deles é um dos homens de confiança do Governador Jaques Wagner, o eleito Deputado Federal, Rui Costa.

A ação da mudança gerou polêmica. Antes do PFL, onde ganhou as eleições para prefeito em 2004, Roque Isquem ingressou no PMDB ainda prefeito e disputou, pelo partido, a eleição de 2008, onde perdeu para Epifânio Marques Sampaio. Agora, para entrar no PT de Muritiba, Roque esbarra na contra-vontade dos militantes do partido.

Em entrevista Exclusiva ao Blog Primogênio, que vai ao ar na integra ainda essa semana, Paulo José Almeida Alves (Professor Paulo José), que foi o candidato do PT a Prefeito de Muritiba em 2008, diz que Roque Isquem não está no partido.

Integrantes mais radicais, e com mais tempo dentro do PT muritibano afirmam que a entrada de Roque Isquem poderá gerar um rompimento trágico dentro de sua própria diretoria.

Ontem, durante a carreata em apoio a candidata a presidente, Dilma Rousseff, representantes politicos de cidades como Gov. Mangabeira, Maragojipe e Cruz das Almas desfilaram em carro aberto ao lado de Roque Isquem junto com Paulo José.

Na saída da Rua Júlio Borges (Rua do Sertão), em direção a rua de cima, um fato inusitado: Wanderley Pinheiro bloqueou a passagem da carreata com a sua moto, e disse que a carreata deveria entrar no bairro do Caquente, que quem mandava no PT de Muritiba era Paulo José, que se encontrava atrás do ex-prefeito, e os militantes mais antigos, e o restante eram "penetras", gerando um certo incomodo entre Roque Isquem e a atual prefeita de Mangabeira, Domingas da Paixão, também PMDB.

Enfim a carreata seguiu para Maragojipe, deixando mais uma dúvida nos ares politicos da cidade. A onda vermelha e alta popularidade de Lula subiu a serra com tudo, atentado os olhares curiosos do povo, e principalmente, de quem almeja o poder.

Afinal, de quem é o PT de Muritiba?

Façam suas apostas...


O que está em jogo?

P N D H 3 do PT

Plano Nacional de Direitos Humanos 3

(Comunismo à vista)


Nestas eleições o eleitor tem que decidir se ele quer implantar o comunismo no país ou seguir o processo de democratização. Entendo que os mais de 54 milhões de brasileiros que votaram em Marina, nulos, brancos ou não votaram, não compreenderam ainda o que está em jogo. Não é a eleição de Dilma Rousseff ou de José Serra. O que estamos votando e decidindo é se queremos o comunismo ou a democracia. É preciso que o eleitor entenda isso claramente. Por que? Porque já existe um decreto preparatório para consumar o fato, caso Dilma Roussef seja eleita. Este decreto se chama PNDH-3.


Para os que ainda não sabem, o PNDH-3 é o projeto revolucionário do PT para o país, a pretexto de "direitos humanos".


Veja este resumo do maligno documento, com as principais metas do partido dos petistas comunistas:


- liberação total do aborto, que será tratado como uma "questão de saúde pública", e não como uma matança de bebês inocentes;


- "controle social" da imprensa, eufemismo para censura, como ocorre hoje na Venezuela de Hugo Chávez, amiguinho do Lula. Ninguém poderá criticar o governo petista;


- estabelecimento de um estado praticamente ateu, por meio da proibição de mencionar o nome de Deus nos documentos do governo e da retirada de todo e qualquer objeto relacionado à religião das repartições públicas (bíblias, crucifixos etc.);


- o Judiciário não poderá mais determinar a reintegração de posse de áreas invadidas (sejam terras rurais ou prédios urbanos), dando liberdade total para o MST (e outras organizações do gênero), a quadrilha terrorista que invade e destrói o campo, ameaçando provocar a fome por meio de uma crise de abastecimento de alimentos no país, como ocorre hoje na Venezuela de Chávez, o amigo do Lula;


- "redução das desigualdades sociais por meio de ações de transferência de renda", o que significa aumentar e criar mais impostos, confiscar bens etc, tirando dinheiro de quem trabalhou e dando na mão de vagabundos agitadores ou fazendo "caridade" com o dinheiro alheio;


- estabelecimento de critérios leoninos (impossíveis de serem cumpridos) para a desapropriação de terras -destinadas à reforma agrária socialista- cujos donos não cumprirem a "função social";


- limitação da agricultura e da pecuária para não "impactar o meio ambiente", com base em falácias ecologistas sem fundamentação científica. Isto também prejudicará o fornecimento de carne e produtos agrícolas;


- desmembramento do Brasil, outorgando enorme autonomia às "populações indígenas" (ideologia tribalista que quer manter os índios fora da sociedade brasileira), criando assim nações paralelas dentro do território da nação, nas quais já se recusa vigência às leis brasileiras, como o Código Penal. Lembram-se da demarcação da reserva "Raposa Serra do Sol"? Então, há uma reserva imensa de nióbio (metal raro e caríssimo) exatamente embaixo da área demarcada... será que foi "coincidência"?


- controle e instrumentalização do Judiciário, poder ainda independente (apesar do CNJ), por meio da criação do "Observatório da Justiça", proposta claramente totalitária que visa a suprimir um dos três poderes;


- controle das polícias brasileiras, por meio da criação de milícias revolucionárias semi-oficiais totalmente autônomas (denominadas eufemisticamente "ouvidorias"), dotadas de poderes próprios da Polícia regular e do Ministério Público, e comandadas por "ouvidores" nomeados pelo governo, que seriam os "comissários do povo" ou "fiscais de bairro" dos regimes totalitários. Isto aconteceu e acontece em todos os países comunistas. Vimos isto no Chile de Allende e, ainda hoje, em Cuba de Fidel e na Venezuela de Hugo Chávez.

Está tudo pronto. Só falta, o eleitor, de forma inconsciente, dizer o que deseja:

31 de outubro, nas eleições do 2º turno!!!

O Decreto n. 7.037, de 21/12/2009 (conhecido como PNDH-3), pode ser lido no site oficial do Governo.

22 outubro 2010

Chegou a + Ctrl Alt Del Camiseteria
















ALBANO: "SAMU : AINDA NÃO DISSE PRA QUE VEIO !!!"


"A ambulância da SAMU, que chegou ao município de Governador Mangabeira-Ba, ainda não foi vista em funcionamento, aliás, em um acidente que houve na zona rural do município, a presença da ambulância foi, por demais, cobrada pela população, sem resposta até o momento.
Estamos no aguardo de poder ver, definitivamente, o equipamento disponível à população.

TOMARA QUE NÃO SEJA PRECISO USÁ-LA."

(Blog do Vereador Albano Fonseca - Gov. Mangabeira)



****





Tomara mesmo, mas se quando for e se for preciso, ela terá que aparecer!!!

Lembrança...

"30% dos eleitores, segundo o DataFolha, já não lembram mais em quem votaram para deputado federal!!"



Mas nós do Blog Primogênio estaremos aqui para lembrar... SEMPRE!!!

Deputado Estadual:

Rogério Andrade – 2.299 votos
Paulo Câmara – 2.004 votos

Alan Castro – 1.203 votos
(Não se elegeu Deputado)

Deputado Federal:


Rui Costa – 2.964 votos
Mauricio Trindade – 2.130
votos
Antonio Brito – 1.373
votos

Esses tiveram mais de 1.000 votos em Muritiba, mas existem outros votados por aqui...


ALICE PORTUGAL

JUTHAY MAGALHÃES

FÁBIO SOUTO

Estaremos sempre por aqui para que nunca esqueçam...


20 outubro 2010

CULTURA: Conheçam Jackson do Pandeiro


Jackson do Pandeiro, nome artístico de José Gomes Filho (Alagoa Grande, 31 de agosto de 1919 – Brasília, 10 de julho de 1982), foi um cantor e compositor de forró e samba, assim como de seus diversos subgêneros, a citar: baião, xote, xaxado, coco, arrasta-pé, quadrilho, marcha, frevo, dentre outros.

Também era chamado de O Rei do Ritmo.

Seu nome artístico nasceu de um apelido que ele mesmo se dava: Jack, inspirado em um mocinho de filmes de faroeste, Jack Perry. A transformação para Jackson foi uma sugestão de um diretor de programa de rádio. Dizia que ficaria mais sonoro e causaria mais efeito quando fosse ser anunciado.

Somente em 1953, já com trinta e cinco anos, Jackson gravou o seu primeiro grande sucesso: "Sebastiana", de Rosil Cavalcanti. Logo depois, emplacou outro grande hit: "Forró em Limoeiro", rojão composto por Edgar Ferreira.

Foi na rádio pernambucana que ele conheceu Almira Castilho de Alburquerque, com quem se casou em 1956, vivendo com ela até 1967. Depois de doze anos de convivência, Jackson e Almira se separaram e ele se casou com a baiana Neuza Flores dos Anjos, de quem também se separou pouco antes de falecer.

No Rio de Janeiro, já trabalhando na Rádio Nacional, Jackson alcançou grande sucesso com "O Canto da Ema", "Chiclete com Banana", "Um a Um" e "Xote de Copacabana". Os críticos ficavam abismados com a facilidade de Jackson em cantar os mais diversos gêneros musicais: baião, coco, samba-coco, rojão, além de marchinhas de carnaval.

O fato de ter tocado tanto tempo nos cabarés aprimorou sua capacidade jazzística. Também é famosa a sua maneira de dividir a música, e diz-se que o próprio João Gilberto aprendeu a dividir com ele. Muitos o consideram o maior ritmista da história da Música Popular Brasileira e, ao lado de Luiz Gonzaga, foi um dos principais responsáveis pela nacionalização de canções nascidas entre o povo nordestino. Sua discografia compreende mais de 30 álbuns lançados no formato LP. Desde sua primeira gravação, "Forró em Limoeiro", em 1953, até o último álbum, "Isso é que é Forró!", de 1981, foram 29 anos de carreira artística, tendo passado por inúmeras gravadoras.

Conheça SEBASTIANA:


19 outubro 2010

CAIXA DOS DESEJOS: O que você deseja para a sua cidade?

É assim que se faz. O exemplo de Luiz Augusto é digno de ser registrado na caixa de desejos.
Pena que só poucos tem materializado este desejo, em prol do movimento, quer seja trabalhando no movimento, quer seja depositando a sua contribuição financeira em favor da obra de reconstrução da sede da nossa gloriosa 5 de Março.

Acho decepcionante as contribuições até agora, pois muitas pessoas já receberam e-mail sobre a campanha independente das visitas ao site e ao blog da filarmônica.
Abaixo o histórico do movimento financeiro até agora.
Data Histórico Entradas Saídas Saldo
10/8/2010 Deposito em Conta Corrente R$ 10,00 R$ 10,00
13/9/2010 Deposito em Conta Corrente R$ 10,00 R$ 20,00
16/9/2010 Deposito em Conta Corrente R$ 50,00 R$ 70,00
30/9/2010 Doação em espécie R$ 100,00 R$ 170,00
10/10/2010 Empréstimo p/confecção de 50 camisas R$ 275,00 R$ 445,00
10/10/2010 confecção de 50 camisas da campanha R$ 275,00 R$ 170,00
10/10/2010 venda de camisas (16) R$ 160,00 R$ 330,00
10/10/2010 doação em cheque R$ 10,00 R$ 340,00
Vou continuar insistindo até que os corações dos muritibanos fiquem sensibilizados com a situação da 5 de março e tomem uma atitude e comprem pelo menos uma camisa do movimento.
A obra é grandiosa e vai enriquecer a história cultural e educacional de Muritiba.
SALVE, SALVE A 5 DE MARÇO.
MAS SALVE MESMO, AJUDANDO A RECONSTRUÇÃO DA SUA SEDE.
Não deixem de fazer o seu depósito por menor que seja, na conta da 5 de março, como eu venho fazendo. "Pois quem sabe faz a hora não espera acontecer" (Vandré).
BANCO BRADESCO S. A
AGÊNCIA: 3533
CONTA 224 - 0

Acesse nosso site : www.cincodemarco.org.br
e o nosso
Blog : www.filarmonicacincodemarco.blogspot.com


Este é o meu desejo.

Abraços.
Nelson Brito



18 outubro 2010

CAIXA DOS DESEJOS: O que você quer para a sua cidade?




Minha mensagem para a Caixa de Desejos do Blog Primogênio!!! é que os muritibanos se unam em torno do processo de RECUPERAÇÃO DA FILARMÔNICA CINCO DE MARÇO, sem politicagem e sem pieguismo ou demagogia.

Que entendam as pessoas de bem de Muritiba, e elas são muitas, que um projeto dessa gradiosidade fará bem à própria terra não só pela preservação de sua história e de sua cultura, como também pelo grande e inestimável valor social que representa uma filarmônica numa cidade do interior, relembrando a quem não sabe, que a Cinco de Março e a Lira Popular Muritibana quando recebem em seus estúdios jovens aos quais ensinam a mágica arte de ser músico, estão ladrilhando os caminhos desses jovens para que, no futuro, como ocorreu com muito muritibanos, possam se tornarem profissionais da música, e assim terem uma sobrevivência digna, isso sem contar com a comprovada proteção que gera ao jovem, especialmente aqueles em situação de risco, porque além de preservá-los do envolvimento com drogas, violência e criminalidade, porque uma puxa a outra, dá-lhes um objetivo na vida. Quem assistiu ao Fantástico do domingo, saberá do que estou falando.

Vamos, então, esquecer as idologias e as diferenças políticas e pessoais, para juntos, ajudar a Cinco de Março, isso independente de quem esteja à frente da sua associação. Esse é o meu desejo.

Luiz Augusto, um muritibano da gema


O que você deseja para sua cidade?

O que pretende fazer para melhorá-la?

Escreva para a CAIXA DE DESEJOS do Blog Primogênio: faleprimogenio@gmail.com

REDE GLOBO: Paola Oliveira substitui Ana Paula Arósio



Paola Oliveira está com moral na Rede Globo. Além de participar de duas séries da emissora: As Cariocas e Afinal, O Que Querem as Mulheres?, a atriz foi escalada para substituir Ana Paula Arósio, em Insensato Coração, próxima novela das oito.

De acordo com nota divulgada à imprensa, a emissora confirma Paola Oliveira para viver Marina, protagonista da trama:

“Paola Oliveira está escalada para viver Marina, personagem da próxima novela das oito, escrita por Gilberto Braga e Ricardo Linhares e com direção de núcleo de Dennis Carvalho. A atriz embarca para Florianópolis nos próximos dias e se junta à equipe, na cidade desde o fim de setembro, para dar continuidade às gravações da novela”, comunicou a emissora.

CAIXA DOS DESEJOS: O que você quer para a sua cidade?!

Escreva para a CAIXA DE DESEJOS do Blog Primogênio!!!

O que você deseja para a sua cidade?!


Desejo que Muritiba seja tratada com respeito quando empresas aventureiras contrtadas pela EMBASA, acabam com a qualidade do calçamento da cidade e ninguém toma providências. Muita gente foi votar na sua cidade Natal e teve a recepção bastante ondulada dos calçamentos, desde a entrada da Vila seguindo em qualquer direção, encontra depressões e piso irregular, comprometendo a segurança da população e desgastando os veículos dos contribuintes.
abçs,
Gitonilson Tosta

Escreva você também: faleprimogenio@gmail.com





Filarmônica 5 de março: Uma campanha na base do amor

Íniciada no dia 10 de outubro, com a realização de um Forúm para criar maneiras de reconstruir a sede da Filarmônica 5 de março, em Muritiba, a Campanha SALVE A CINCO - Uma caminhada na base do amor ganha folêgo a cada dia.

Ontem, no programa Fantástico, da Rede Globo, foi exibida uma reportagem que nos leva a crer o quanto é importante preservar e incentivar projetos e ações do tipo.

Veja o que um professor de música criou para tirar as crianças da violência em um dos lugares mais pobres do Brasil.





“O violino chegou antes do que o saneamento básico, a flauta chegou antes do que o posto de saúde e a música chegou antes do que o estado”, conta o professor Júlio Cesar.

Superbactéria é alerta para hospitais do país, diz infectologista



A superbactéria KPC (Klebsiella pneumoniae carbapenemase), que pode ter causado 18 mortes no Distrito Federal neste ano, já circula por UTIs de grandes hospitais de São Paulo desde 2008.

Ainda de acordo com o texto, só no Hospital das Clínicas, foram 70 casos no período. A situação preocupa porque não há antibiótico capaz de contê-la. Ao mesmo tempo, ela encontra terreno fértil para a proliferação nos hospitais por falta de higiene. O alerta é de Artur Timerman, 57, um dos infectologistas mais conceituados no país.

"Se você vai a qualquer um dos grandes hospitais de São Paulo, público ou privado, vai ver que o índice de lavagem de mãos não chega a 40%", diz o chefe do serviço de controle de infecções hospitalares do hospital Edmundo Vasconcelos. Timerman também atua no Dante Pazzanese e no Albert Einstein. No Brasil, os primeiros registros de KPC são de 2005, em São Paulo.

16 outubro 2010

Para os Vigilantes arrependidos...

Edgar, quando se escolhe um jornalismo político ou social, sempre se termina sendo alvo de aleivosias. Contudo, o que vai fazer a diferença e sua defesa em caso de ações judiciais de cunho indenizatório, ou criminal até, porque os crimes contra honra também estão na lei de imprensa, são os arquivos originais, a prova documental. Até no Blog você pode ter um arquivo próprio para guardar os e-mails noticiando coisas desse tipo. Se não, antes de divulgar qualquer matéria dessa natureza, cujo autor, depois arrependido, volta atrás e tenta colocar você na linha de responsabilizações, exija um documento escrito e assinado por ele, responsabilizando-se por sua divulgação antes da publicação. Se não der, delete, porque se trata de covardes que não assumem as consequências de seus atos. Quem age assim é que não sabe o que significam os adjetivos dos quais lhe taxou.

Mas continue, porque sua independência e sua coragem de colocar o dedo na ferida de muita coisa errada que existe aí em Muritiba, está incomodando. Contudo, só publique o que puder provar. Salvo contrário, não esqueça que você termina ficando na mira dos descontentes, dos que só ouvem o eco de suas vozes ou só vêem suas próprias sombras, especialmente aqueles que vivem e sobrevivem da exploração da falsa imagem que criam, e que tentam a todo custo passar para o público.

Use e abuse do direito de expressão e de crítica, então, porque é assim que se constrói a cidadania e é assim que se emoldura uma sociedade democrática. Lembre a esse pessoal que estamos em pleno século XXI e Muritiba, segundo me parece, não saiu do século XIX, onde poucos mantinham a grande maioria submissos a seus desejos e seus desmandos.

Um abraço.

Luiz Augusto - Promotor de Justiça

DEFINIDA AS PRÓXIMAS AÇÕES PARA CONCLUSÃO DA RECONSTRUÇÃO DA SEDE DA FILARMÔNICA 05 DE MARÇO



















No último domingo dia 10, um grupo de muritibanos se reuniram na Câmara de Vereadores de Muritiba para planejar as ações que devem ser desenvolvidas para conclusão da reconstrução da sede da Filarmônica 05 de Março,localizada na Praça do Bonfim,136 na cidade de Muritiba,no recôncavo baiano.

As ações aprovadas foram as seguintes:

Em relação a Estrutura física do prédio da Filarmônica : levantamento do orçamento completo da obra;elaboração do cronograma das etapas de execuções visando no primeiro momento a conclusão dos salões no térreo e 1º pavimento e de um sanitário e da fachada principal.

Numa 2ª etapa a conclusão do 1º pavimento e do térreo (parte do fundo), a 3ª etapa seria a conclusão do 2º pavimento. Pensou também na captação de recursos no qual será feito contato com diversas empresas .

Outro ponto discutido foi a divulgação junto a comunidade com o objetivo de resgatar o quadro de associados e a participação nas campanhas que serão desenvolvidas. Outras ações também foram aprovados visando divulgar a Filarmônica junto a comunidade.

Para o desenvolvimento das ações foram criadas coordenações com a participação dos presentes que divulgaremos em outra postagem.

Fotos: Grupo de trabalhos na discussão das temáticas do 1º Fórum

Fonte: Blog da Filarmonica 5 de março

15 outubro 2010

KAMIKAZIS DA BELEZA


Jovens de Muritiba se entregam aos anabolizantes e deixam a sociedade em alerta



“Eu não sei explicar. Só sei que aconteceu de repente, M.S bateu na porta e disse que S.D tinha sido internado as pressas, quando cheguei ao hospital ele já tinha morrido. O médico disse que tinha sido bomba.”


Dona de casa, 47 anos, E.G.S teve três filhos. Quando entrevistada para essa matéria do Primogênio pediu que não tivesse sua identidade divulgada. Ela perdeu o seu filho mais velho a 3 anos, aqui em Muritiba. M.S tinha 22 anos quando teve uma parada cardíaca, minutos depois de sair da casa de um amigo, que aplicou a injeção. Os médicos não conseguiram salvar a vida de M.S, que enterrou, junto com ele, o sonho de ser um jogador de futebol. “Ele gostava de jogar bola. Todo domingo estava com a turma, sábado também, era um bom filho, um bom irmão, não sei como ele foi capaz de usar isso. Não entendo o por que!” Desabafa.

Recentemente, outro possível caso de uso da chamada “bomba” vitimou mais um cidadão, jovem, com um belo futuro pela frente. Professores de academias e de educação física chamam a atenção para o grave problema que se enfrenta na cidade. “Existem academias clandestinas que estão incentivando o uso de esteróides, anabolizantes e principalmente de A.D.E, isso é crime, é grave, se o cara não tiver boa formação, ele aplica mesmo!”, nos conta o professor de educação física que não quer se identificar.

Populares entre muitos adeptos das atividades das academias de ginástica e musculação, os anabolizantes ou esteróides oferecem um grande risco à saúde. Essas drogas trazem um alto teor do hormônio masculino testosterona. Y.M.A., 17 anos, sentiu literalmente na pele os efeitos do uso indevido dessas substâncias. Dias após injetar 10ml de um complemento vitamínico utilizado em animais em cada braço, o estudante começou a sentir os efeitos da rejeição da substância pelo organismo. Passei vários dias com febre acima de 40°C, dor de cabeça e nos olhos e os braços inchados”, lembra. Também apareceram uns nódulos nos meus braços”, acrescenta.

Na tentativa de alcançar resultados milagrosos”, costuma-se apelar para substâncias mais perigosas, como os anabolizantes ou esteróides. Y. diz que não teve dificuldades em adquirir o produto em uma loja especializada em artigos agropecuários perto de sua casa. "Resolvi testar o produto, porque alguns amigos já tinham usado. Sabia que fazia mal, mas meus colegas não apresentaram nenhuma reação à substância”", lembra.

Para se livrar dos efeitos da bomba, o garoto foi submetido a tratamento com antibióticos. Hoje, dez meses depois do incidente, ele ainda sente dores nos braços, e traz a lembrança dos maus momentos que passou. “Não aconselho ninguém a fazer uso desse tipo de substância ou de qualquer outra que prometa bons resultados em pouco tempo””, diz. Y., que percebeu, da pior maneira possível, que é bem melhor ter um pouco mais de paciência e malhar direitinho. Os resultados chegam com o tempo e naturalmente.

Parada cardíaca
O efeito dos anabolizantes sobre o coração e o cérebro é muito mais perigoso do que se suspeitava. Pesquisa recente, coordenada pela cardiologista Janieire Nunes Alves, da Unidade de Reabilitação e Fisiologia do Exercício do Instituto do Coração, em São Paulo, revelou que os usuários dessas substâncias têm cinco vezes mais riscos de sofrer um derrame ou parada cardíaca. E que o uso de anabolizantes pode causar câncer e até levar à morte súbita.




Consumir anabolizantes sem a orientação de um médico pode causar:

Nas mulheres
- Engrossam a voz.
- Fazem surgir pêlos no corpo e rosto.

- Causam perda de cabelos.

- Diminuem o tamanho do seio.
- Provocam câncer de ovário.

Nos homens
-
- Reduzem a produção de espermatozóides.

- Causam impotência.
- Provocam dificuldade ou dor ao urinar.

- Aceleram a calvície.

SERVIÇO
Quem quiser denunciar o consumo ilegal de suplementos, esteróides ou inibidores de apetite deve entrar em contato com a Anvisa por meio do endereço eletrônico inspecao@anvisa.gov.br

09 outubro 2010

Polícia e políticos são os alvos em "Tropa de Elite 2"



Filme, que está em cartaz desde sexta, deixa traficantes de lado e mira mazelas da corrupção

Nenhum personagem foi tão celebrado no ano de 2007 quanto o capitão Nascimento, papel de Wagner Moura em "Tropa de Elite". A postura rígida do oficial do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), fruto de seu repúdio por traficantes, usuários de drogas e policiais corruptos, caiu no gosto dos brasileiros, além de uma série de jargões curiosos – não necessariamente do personagem, mas tão envolventes quanto se fossem.

O boca a boca foi a melhor divulgação do longa-metragem, pirateado e assistido bem antes de sua estreia oficial nos cinemas, e seu ápice foi a vitória no Festival de Berlim de 2008, de onde o diretor José Padilha saiu com o Urso de Ouro de melhor filme.

Agora, três anos depois de todo o alvoroço, "Tropa de Elite 2" chega aos cinemas brasileiros nesta sexta-feira com a expectativa de mais sucesso, mais jargões e mais atitudes severas do capitão Nascimento – desta vez não apenas como integrante do BOPE, mas atuando como subsecretário de Inteligência da Secretaria de Segurança da cidade do Rio de Janeiro.

Logo no início o filme mostra uma rebelião no presídio de Bangu I, chefiada pelo traficante Beirada (Seu Jorge). Toda a operação que envolve o fim do problema serve de pretexto para reapresentar personagens do primeiro filme, como o próprio Nascimento e seu pupilo, André Matias (André Ramiro), e introduzir novos, como o acadêmico e defensor dos direitos humanos Diogo Fraga (Irandhir Santos).

Após um desfecho trágico, o então tenente-coronel Nascimento é promovido para a Secretaria de Segurança – a contragosto do secretário e do próprio governador, mas como explica o próprio policial, "a opinião pública gosta de ver bandido morto". E essa afirmação resume bem a diferença do que a plateia vai encontrar nessa nova história: sem os ladrões de regata e chinelo, entram os de terno e gravata.


Se no primeiro filme o diretor José Padilha deixou transparecer no BOPE uma solução para o problema da violência no Rio de Janeiro, agora o cineasta desfaz o mal entendido e mostra que ao matar traficantes, "os caveiras" colaboram com outro lado do sistema: as milícias.

Formadas por policiais corruptos, elas assumem as favelas cariocas extorquindo dinheiro de comerciantes e moradores – quase sempre de maneira tão ou mais brutal que os traficantes que ali viviam. E é aos poucos que Nascimento descobre que seu trabalho de duas décadas no BOPE foi insuficiente – e a recompensa amarga: enquanto no plano profissional ele é obrigado a conviver com a lama política, no pessoal o relacionamento com o filho é posto em xeque pelos questionamentos de sua ex-mulher e o novo marido.

"Tropa de Elite 2" é mais pesado que seu antecessor, pois reflete o lado mais perverso da criminalidade no Brasil: a corrupção. É mais fácil para o público assistir à tragédia do criminoso de chinelo, que invariavelmente acaba preso ou morto, do que acompanhar o desenlace do criminoso de gravata, que após um tempo distante da mídia ressurge em santinhos da próxima eleição – e ainda consegue votos.

As palmas no término da exibição do filme, exibido na noite desta terça-feira no Teatro Municipal de
Paulínia, indicam que José Padilha acertou novamente. E o público pode ficar aliviado: apesar de
amadurecido e amargurado, o subsecretário Nascimento ainda tem seus momentos de capitão Nascimento.

"Tropa de Elite 2" estreia nesta sexta-feira (08) em todo o país. Durante a coletiva em Paulínia, o coordenador de lançamento, Marco Aurélio Marcondes, revelou que o filme entraria no circuito com 636 cópias, mais até do que o sucesso "Nosso Lar" e bem próximo das 692 cópias de "Saga Crepúsculo: Eclipse", recorde deste ano.

Stuxnet pode marcar início da ciberguerra, dizem especialistas

Mapa da Symantec mostra os países mais afetados pelo vírus até o fim de setembro


As atenções do mundo cibernético estão voltadas a um vírus que pode ser o sinal do começo de uma nova era: a era da guerra cibernética. Os ataques do Stuxnet a uma usina nuclear no Irã, a sistemas de indústrias fundamentais na China e a uma indústria alemã nas últimas semanas colocaram em alerta especialistas em segurança digital.

O Stuxnet é o primeiro vírus capaz de causar danos no meio físico, o que o torna uma ameaça diferente de tudo o que foi visto anteriormente. "A lógica de um vírus basicamente é gerar retorno financeiro. Normalmente ele se espalha rapidamente para capturar informações, senhas bancárias, atacar um site de comércio eletrônico. Não faz sentido pensar que esse vírus seguiu essa lógica", diz o CEO da Cipher, empresa brasileira especializada em segurança da informação, Alexandre Sieira.

Como age o Stuxnet
O vírus tem como alvo principal sistemas de controle industriais, que são usados para monitorar e gerenciar usinas de energia elétrica, represas, sistemas de processamento de resíduos e outras operações fundamentais. A partir daí, o malware modifica seus códigos para permitir que os atacantes tomem o controle sem que os operadores percebam. Em outras palavras, essa ameaça foi criada para permitir que hackers manipulem equipamentos físicos, o que a torna extremamente perigosa. "Nós definitivamente nunca vimos algo assim antes. O fato de que ele pode controlar a forma como máquinas físicas trabalham é muito preocupante", disse em comunicado Liam O'Murchu, pesquisador da Symantec.

O que também chama a atenção no Stuxnet é que ele foi desenvolvido para atacar um sistema muito especifico de infraestrutura, infectando um software da Siemens que controla instalações industriais fundamentais. O worm se aproveita de quatro vulnerabilidades do Windows desconhecidas até então. "Isso é muito peculiar. Normalmente, quando se descobre uma falha de segurança, se larga o vírus de uma vez, não se espera até ter quatro", diz Sieira.

Origem desconhecida
Até agora, são poucas as pistas sobre a origem dessa ameaça. O que se tem por enquanto são apenas especulações. Especialistas da Symantec estimam que o projeto deve ter sido fabricado por uma equipe de até dez pessoas, em um trabalho que não durou menos de seis meses, levando-se em conta o tipo de código presente no Stuxnet.

A empresa de segurança privada Kaspersky Lab confirma que "este é um ataque de malware singular, sofisticado e apoiado por uma equipe altamente especializada". A empresa vai além, e acredita que o vírus possa ter sido projetado com o apoio e suporte de uma nação, que possuía fortes dados de inteligência à sua disposição.

"O que se diz por aí, e isso é só uma especulação, é que se trata de uma movimentação do governo americano, de Israel ou de ambos, levando em conta que os principais alvos foram a China e o Irã", afirma o o CEO da Cipher. O vírus teria infectado cerca de 6 milhões de computadores na China e mais de 62 mil no Irã.

Guerra cibernética
O fato do Stuxnet poder ter sido elaborado com o apoio de uma nação sustenta a tese de que o mundo está entrando na era da guerra cibernética. Para a Kaspersky Lab, que trabalha para frear a ameaça juntamente com a Microsoft, o Stuxnet é um protótipo em operação de uma arma cibernética que levará à criação de uma nova corrida armamentista no mundo. "A década de 90 foi marcada pelos vândalos cibernéticos e os anos 2000 pelos criminosos cibernéticos. Agora estamos entrando na década do terrorismo cibernético, com armas e guerras virtuais", afirma Eugene Kaspersky, CEO da empresa.

"Pela sofisticação do Stuxnet, de fato se trata de uma ação de inteligência militar. Imagine o caso de uma guerra real, em que um país pode causar um blecaute em outro, por exemplo, sem tirar uma vida. É uma vantagem bélica muito grande", diz Sieira.

Esse é um caminho que vai se confirmando com declarações de autoridades nos últimos dias. Em reportagem da agência Reuters, fontes dos serviços de segurança israelenses teriam afirmado que a guerra computadorizada se tornou um dos pilares centrais do planejamento estratégico do país, com uma nova unidade de inteligência militar.

Os Estados Unidos também lançaram, há poucos dias, seu primeiro teste de um plano de resposta a uma ofensiva inimiga contra os seus sistemas de computação de serviços vitais. "Existe uma probabilidade real de que, no futuro, o país seja alvo de um ataque destrutivo, e precisamos estar preparados para ele", afirmou o general Keith Alexander, comandante de uma nova unidade militar norte-americana de guerra computadorizada.

08 outubro 2010

Conversa com O Blogueiro: " Dilma não, é a minha opinião! "




Olá amigos e visitantes do Primogênio.

Venho recebendo nas últimas semanas e-mails de corrente contra a petista e candidata a presidencia Dilma.

No primeiro turno das eleições votei em Marina, e como bem disse a alguns curiosos, votei pelo simples fato de procurar a informação na sua essencia, sem me deixar influenciar por opiniões alheias, e naquele momento, achei que o direito a democracia e de ter a plena consciencia a quem pertecia o meu voto (que é só meu, assim como esse blog), me fez perceber o quanto as palavras e propostas de Marina eram importantes para o desenvolvimento do país.

Neste segundo turno, certamente, continuo com a minha opinião de que Dilma seria a última opção para ocupar o cargo mais alto do Brasil. Dilma não é Lula.

Respeito a opinião dos meus visitantes, que podem ser petistas, que um dia também fui.

Hoje, cheguei em casa e recebi um e-mail, talvez o mais importantes de todas as correntes difamatórias sobre Dilma e o mais real de todos.

O email diz:

"Se Heloisa Helena, uma das fundadoras do PT é contra a candidatura da Dilma;
Se Marina Silva, ícone no PT, saiu e foi para o PV com a companhia de muitos petistas;

Se Joelmir Beting, jornalista e sociólogo renomado, está pedindo pra não votar na Dilma;

Se Arnaldo Jabor, o crítico e comentarista do Jornal Nacional e do Jornal da Globo também está pedindo pra não votar na Dilma;
Se a Marília Gabriela também está pedindo pra não votar na Dilma;

Se a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil está pedindo pra não votar na Dilma;

Se Pastores de todo o Brasil estão se mobilizando contra a candidatura da Dilma;
Mas se Collor, Sarney, Barbalho, Renan, Maluf, "Chávez", Genoino, Erenice e
Zé Dirceu votam em Dilma,
TEM COISA MUITO ERRADA POR TRAZ!
TEMAM!

ANALISEM ANTES DE VOTAR!
"

Eu nunca parei pra pensar nisso.
É uma conclusão e uma profundidade realmente assustadora. Talvez o radicalismo e a "boa mamada" faça com que muitos não enxerguem esse texto na essencia, mais é basicamente isso aí...

Já que votei em Marina, poderia anular meu voto no segundo turno. No entanto, anular voto não me torna um brasileiro melhor. Independente da direção da Marina, vou mais uma vez com a minha consciencia...

Dilma NÃO, é a minha opinião! No 2º turno meu voto vai pra Serra!